- PM Tech Blog - http://blog.pmtech.com.br -

Martim Sisson – Certificação PMP – Fevereiro 2012

Buenas pessoal,

Obtive minha certificação PMP no último dia 29/fev, e gostaria de compartilhar com vocês a minha estratégia de estudos.

Primeiro um pouco de background: fiz o curso na PM Tech em janeiro de 2010, e desde então venho trabalhando em diferentes projetos, porém não como GP. Mesmo assim, fui absorvendo conhecimentos e mantendo o plano de tornar-me um. Ano passado resolvi marcar a prova, que vencia em março deste ano. Tive que remarcar a prova diversas vezes, pois não me organizava para estudar, até que cheguei no limite: se não fizesse a prova, perderia o prazo. Foi aí que me obriguei a focar nos estudos e me preparar para a prova.

Eu tive um pouco mais de um mês para me preparar, e uma estratégia que me ajudou foi transformar o estudo em um projeto. Fiz termo de abertura, plano do projeto, EAP, Cronograma… procurei seguir ao máximo a fase de iniciação e planejamento. Isto me deu um conhecimento muito bom destas duas fases. Depois acabei deixando este projeto um pouco de lado, e focando mais na leitura do Guia PMBOK, da apostila da PM Tech e do livro da Rita. Também imprimi e estudei praticamente todo o conteúdo dos arquivos do grupo de discussão do curso. Fiz simulados por área e gerais, utilizando o FastTrack, além dos exercícios da apostila e do livro.

Quanto à prova, foram muitas questões situacionais, e pouquíssimas de “decoreba”. As questões são longas, e as opções às vezes se confundem.

Como um colega disse, em algumas questões a tradução peca, e pode levar a uma má interpretação. Nestas horas o inglês salva.

Tive poucas questões envolvendo cálculos, diagramas de rede, ou específicas sobre ética.

Muitas questões abordaram técnicas e ferramentas, poucas abordaram entradas e saídas.

Como é de se esperar, a prova está bem focada no dia-a-dia e no uso prático dos conhecimentos.

Um abraço para todos,

Martim Sisson, PMP

Artigos Relacionados